Buscar
  • ASCOMCER JF

Maple Tree Cancer Alliance chega à ASCOMCER!

A ASCOMCER inaugurou o projeto desenvolvido pela ONG Maple Tree Cancer Alliance, para reabilitação através da atividade física. Independente do estágio do tratamento do paciente, o objetivo é promover qualidade de vida através de um cronograma individualizado de exercícios.



A ASCOMCER inaugurou o projeto desenvolvido pela ONG Maple Tree Cancer Alliance, para reabilitação através da atividade física. Independente do estágio do tratamento do paciente, o objetivo é promover qualidade de vida através de um cronograma individualizado de exercícios. Hoje, às 9h30, a Presidente da ASCOMCER, Alessandra Sampaio, recebeu o professor e coordenador de exercícios oncológicos da da Maple Tree, Jader Brito, e também os profissionais envolvidos em trazer a filial e o projeto para Juiz de Fora. Será realizado um café da manhã para marcar a inauguração do projeto, que torna a ASCOMCER o primeiro hospital de Juiz de Fora a implementá-lo internamente aos seus pacientes dos ambulatórios de Radioterapia e Quimioterapia, além de se tornar a primeira unidade da ONG em Minas Gerais.


Segundo Drª Alice Francisco, presidente da Maple Tree, o objetivo é fazer parcerias com universidades, hospitais e centros de oncologia, para desenvolver programas de pesquisa baseados em evidências científicas, com o padrão de excelência em exercícios oncológicos. “Começamos em Sorocaba e estamos muito felizes de iniciar a ampliação deste projeto, trazendo pra Juiz de Fora e especialmente para a ASCOMCER, que presta um serviço tão relevante para a cidade”, disse ela.


A ASCOMCER disponibilizou uma sala no Hospital para realização do projeto aos pacientes e a Maple Tree está em fase de captação de recursos para equipar o espaço com o maior número de equipamentos para as atividades e exercícios – tais como elásticos, bolas, esteira e outros, e também para garantir o pagamento dos profissionais que irão atuar junto aos pacientes. “Os pacientes são atendidos duas vezes por semana, com duração de uma hora cada aula, e são profissionais de Educação Física que realizam o atendimento a eles”, acrescenta Jader.


De acordo com o professor e doutor Henrique Mansur, um dos responsáveis por trazer a ONG para a cidade e intermediar a parceria com a ASCOMCER, os pacientes permanecem no mínimo 3 meses e no máximo 1 ano no projeto. “Os pacientes obrigatoriamente têm que ter autorização médica para realização das atividades físicas. Após autorização, eles passam por avaliação da equipe antes do início do programa e a cada 12 semanas para observar a evolução durante os treinamentos”, disse.


Para a presidente da ASCOMCER, Alessandra Sampaio, a expectativa e alegria são grandes. “Temos certeza de que será um lindo trabalho que vai beneficiar muitos dos nossos pacientes, através de novos hábitos de vida associados ao tratamento oncológico. Será um trabalho que vai envolver toda a nossa equipe multidisciplinar e que desejamos que perpetue por muito tempo”.

A MAPLE TREE

A Maple Tree Cancer Alliance é uma entidade sem fins lucrativos que atende pessoas com diagnóstico de qualquer tipo de câncer, através da prática de atividade física e da reabilitação. Atualmente, a organização atende em 51 unidades nos Estados Unidos e Brasil, estabelecendo um padrão internacional de atendimento em oncologia do exercício.


No Brasil, as atividades presenciais foram iniciadas em agosto de 2020, devido às restrições previamente impostas pela pandemia do novo Coronavírus. Hoje atende cerca de 70 adultos e crianças em tratamento oncológico, em 4 unidades em Sorocaba/SP.


A entidade desenvolveu programas de exercícios e orientação nutricional para ajudar a aliviar alguns dos principais efeitos colaterais relacionados aos tratamentos contra o câncer. Todos os atendimentos são gratuitos aos pacientes e as atividades da Maple Tree Cancer Alliance são mantidas através de doação e captação de recursos.

29 visualizações0 comentário