Banner da página das Nossas Notícias

Nossas Notícias

Home » Nossas Notícias » ASCOMCER terá mais de mil lâmpadas substituídas pela CEMIG para eficiência energética

ASCOMCER terá mais de mil lâmpadas substituídas pela CEMIG para eficiência energética04/06/2018

A Associação Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer de Juiz de Fora (ASCOMCER) foi selecionada por meio da Chamada Pública de Projetos CEMIG nº 001/2017, com proposta de projeto de eficiência energética no uso final de iluminação.

 

Por ser uma unidade consumidora pertencente à área de concessão da CEMIG D, a ASCOMCER pôde participar do processo, que visa o cumprimento de obrigações legais da CEMIG D com a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), com o objetivo incentivar o desenvolvimento de medidas que promovam a eficiência energética e o combate ao desperdício de energia elétrica (conforme termos ditados nas Leis n° 9.991/2000, n° 11.465/2007, n° 12.212/2010 e no 13.280/2016).

 

O projeto de eficiência energética direcionado à ASCOMCER consiste na modernização do sistema de iluminação com a substituição de 1201 lâmpadas. Com a utilização de equipamentos mais eficientes, pretende-se retirar 12,62 kW de demanda no horário de ponta e economizar 84,00 MWh de energia elétrica por ano, representando uma redução de 62,27% no consumo do sistema de iluminação e uma redução de 16,12% no consumo da instalação total.

 

Para esta implementação, foi projetado um valor global de projeto de R$ 133.071,39 – valor este que está todo dentro dos recursos do PEE, da referida Chamada Pública PEE 001/2017 – CEMIG Distribuidora e uma relação custo benefício de 0,72, mostrando a atratividade técnica e econômica das ações de eficiência energética para o hospital.

 

É parte integrante do projeto a elaboração do diagnóstico energético, com todos os levantamentos dos equipamentos existentes, com os estudos das substituições necessárias e com as cotações de materiais e serviços, além do acompanhamento de medições e verificações a fim de confirmar os consumos e economias projetados.

 

Outra etapa importante no processo é o descarte correto dos materiais que serão substituídos. Para os equipamentos de iluminação é estabelecida a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 12.305 de 2 de agosto de 2010 – BRASIL, 2010a).

 

Segundo a presidente da ASCOMCER, Alessandra Sampaio, também será realizada uma ação de treinamento e capacitação dos utilizadores das instalações. “Ao final da execução do projeto, a CEMIG também vai conscientizar sobre o uso racional da energia elétrica e ainda sobre a importância da participação de cada um para o sucesso do projeto, bem como analisar a satisfação dos usuários quanto ao projeto e seus impactos. Com certeza este projeto será de grande relevância para a instituição e, consequentemente, para o tratamento de nossos pacientes”, finaliza ela.

 

 
 
 


 

© 2015. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

logotipo da agência digital ato interativo